Trata-se do aminoácido mais comum presente no sangue humano e um componente-chave das proteínas. 

Das principais fontes alimentares de glutamina destacam-se: carnes, peixes, ovos; iogurte, leite, queijo; feijão, favas, ervilhas; repolho, beterraba, espinafre, couve e salsa.

Entre os seus efeitos benéficos incluem-se: a cicatrização e recuperação de traumas, infeções, cirurgias, lesões, queimaduras; a proteção da mucosa das paredes dos intestinos e consequente prevenção de colites ou da doença de Crohn; o fortalecimento do sistema imunológico, a prevenção de infeções em atletas sujeitos a treinos ou eventos de resistência intensos.  Isto porque a glutamina elimina o excesso de ácido lático, uma das principais causas da fadiga. Também promove a perda de peso através do estímulo do reforço muscular que, por seu turno, acelera o metabolismo e ajuda a atenuar a sensação de fome. Também é benéfica para os alcoólicos, pois diminui o desejo de dependência.

A glutamina não acarreta perigos para a saúde visto ocorrer naturalmente no corpo.  Mas como acontece com todos os suplementos deverá ser o médico ou o farmacêutico a receitá-la, atendendo à sua interação com certos medicamentos. Também não deve ser misturada com bebidas quentes nem colocada em locais muito húmidos.

SABIA QUE…

  • A glutamina (L-glutamina) é um aminoácido não essencial que foi descoberto por Ernst Schulze, químico alemão e por Emil Bosshard, químico suíça, em 1883, que a isolaram a partir do sumo de beterraba. Mais tarde, verificou-se que também podia ser encontrada em abundância numa gliadina (que é uma proteína do glúten) de trigo. Em 1935, Hans Krebs descobriu a síntese da glutamina a partir da amónia e do glutamato.
  • Os aminoácidos, que compõem as proteínas, são moléculas orgânicas que contêm pelo menos um agrupamento amina (NH₂) e um carboxila (COOH). Sabendo-se a etimologia da palavra, torna-se mais fácil fixar o nome do aminoácido. Assim, a glutamina deriva do ácido glutâmico mais o sufixo ina.


NÃO SE ESQUEÇA:

  • Nunca tome nenhum suplemento vitamínico sem consultar primeiro o seu médico.

Para mais informações fale com o nosso farmacêutico através do e-mail apoioacliente@blissnatura.pt
 

Ginseng
Reza a lenda que o Espírito da Montanha enviou um menino prodí...
Iodo
O iodo é importante para o organismo tanto dos seres humanos como do...
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização