A chegada do tempo mais frio traz consigo maior risco de constipações, gripes, e outras infeções do trato respiratório. Previna-as, fortalecendo as defesas do seu organismo!

 

- Para aumentar a sua imunidade, é essencial fazer uma alimentação rica em vitaminas, nomeadamente a vitamina C - Consuma mais frutos como laranja, limão, tangerina, kiwi, abacaxi e acerola, e também legumes como brócolos e pimentos.

- Os antioxidantes são também importantes aliados para o combate às infeções – encontre-os nos frutos vermelhos, como framboesa, amora, mirtilo, morangos. A batata-doce é também rica em vitaminas A, B e E, com propriedades antioxidantes.

- Beba água – a hidratação é essencial, mesmo quando a temperatura arrefece, ajudando o organismo a libertar-se de toxinas que lhe são prejudiciais.

- Consuma mais alimentos com propriedades anti-inflamatórias – cebola, alho, gengibre e curcuma são ricos em substâncias que aumentam a imunidade, ajudando a combater infeções e inflamações.

- A vitamina D também ajuda a manter a imunidade em alta. Encontra-a nos ovos e no queijo, por exemplo.

- Mantenha bons hábitos de sono – ter rotinas consistentes, como deitar-se sempre aproximadamente à mesma hora e dormir cerca de 8 horas por noite ajuda o organismo a preservar o seu equilíbrio, estando mais saudável e combatendo mais eficazmente as agressões exteriores.

- Pratique exercício físico – a atividade física regular e adequada à sua idade e condição ajuda também a proteger o seu organismo e a mantê-lo mais forte e saudável.

- Não fume nem beba álcool. O tabaco é altamente prejudicial e fragiliza as vias respiratórias, acentuando o risco de infeções e inflamações. O álcool também prejudica a saúde a vários níveis, deixando o organismo mais vulnerável.

- Considere a toma de suplementos que lhe forneçam nutrientes essenciais para fortalecer a imunidade, como é o caso do Zinco. Alguns alimentos naturais, como a geleia real e a equinácea, são particularmente eficazes no fortalecimento das vias respiratórias, e pode encontrá-los sintetizados em cápsulas e comprimidos, por exemplo. O mel é um bom protetor para as vias respiratórias e pode ser facilmente introduzido na dieta diária, quer seja ingerido de forma simples (não exceda as duas colheres de chá por dia), ou adicionado a iogurtes e batidos, por exemplo.

- Evite o consumo de alimentos processados e muito calóricos, como as refeições pré-feitas, que vulnerabilizam o organismo, carecendo de nutrientes que são indispensáveis à saúde.

Saúde mental: como pedir ajuda?
Nos últimos anos a saúde mental tornou-se um dos tópic...
Como aliviar a dor de garganta? – 7 dicas rápidas e eficazes
O outono e o tempo frio trazem, muitas vezes, consigo maior risco e contrai...
Também pode gostar de:
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização