A osteoporose é uma doença que deixa os ossos mais frágeis e porosos, o que resulta em dores e fraturas. Embora a osteoporose atinja principalmente pessoas com idade mais avançadas, devido a perda óssea que ocorre com o passar do tempo, é de fundamental importância dar atenção à principal estrutura do corpo em todas as idades. Alguns estudos indicam que os cuidados para a preservação da saúde óssea devem começar ainda na infância.

 

Abaixo separamos 5 dicas algumas dicas que podem ajudar a preservar a saúde dos ossos em todas as idades:

 

1 - Faça exercícios físicos regularmente

Os exercícios físicos trazem muitos benefícios para o corpo. Além de fortalecer os músculos e ajudar a controlar o peso, os exercícios também contribuem para deixar os ossos mais fortes. As principais atividades físicas que contribuem para o fortalecimento dos ossos são as de sustentação de peso, como musculação, caminhada, corrida, tênis, dança e futebol. A recomendação é que sejam feitos de 30 a 40 minutos de exercícios, de três a quatro vezes por semana.

 

2 - Mantenha uma alimentação equilibrada

Uma alimentação equilibrada é a chave para a longevidade dos ossos. O cálcio, que é fundamental para a saúde dos ossos, pode ser obtido através de alimentos com laticínios, como leite e queijo, e também de verduras, como a couve e o espinafre. Mantenha uma alimentação equilibrada com as fontes de cálcio necessárias para a manutenção de ossos saudáveis.

 

3 - Consuma Vitamina D

A vitamina D é de extrema importância para a saúde dos ossos. A sua função é a de fazer com que o cálcio ingerido por meio da alimentação seja absorvido pelo organismo. A vitamina D pode ser consumida por meio de alimentos como ovo e peixes, mas a melhor fonte de vitamina D ainda é a exposição ao Sol ao começo da manhã ou ao final da tarde. Caso seja necessário, verifique com o seu médico a possibilidade de tomar suplementos com vitamina D.  

 

4 - Evite o cigarro e as bebidas alcoólicas

O cigarro e o álcool são fatores de risco para diversas doenças, inclusive doenças ósseas. A nicotina, presente nos cigarros, comprometem a absorção de cálcio pelo organismo e inibem a produção das células responsáveis pela produção óssea. Já o álcool interfere na absorção de cálcio e na produção da vitamina D. Além de prejudicar a manutenção de ossos saudáveis, o consumo de álcool e cigarros deixam os ossos mais frágeis, o que aumenta o risco de fraturas.

 

5 - Mantenha o peso sob controlo

Estar acima pode prejudicar diretamente a saúde dos ossos. Os quilos a mais são apontados como um fator de risco para inflamações e desgaste das cartilagens, principalmente dos joelhos. Quando se tem peso a mais, a pressão exercida sob as articulações dos joelhos gera um grande desgaste que pode comprometer a saúde dos ossos.

Catuaba: um poderoso afrodisíaco natural
Típica do Brasil, a Catuaba é uma planta medicinal conhecida ...
Importância de uma boa noite de sono para a recuperação do organismo
Durante o sono, as energias são repostas e o metabolismo é re...
Também pode gostar de:
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização