Já se sabe que uma alimentação saudável é fundamental para evitar esta e outras doenças, uma vez que a obesidade é um dos fatores que mais contribuem para o aparecimento de tumores.

As pessoas obesas também estão mais propensas a desenvolver problemas de hipertensão, diabetes e alterações do colesterol. Dê cor aos seus pratos como alimentos ricos em fibras, vitaminas e sais minerais.

Estes estão presentes nas frutas, vegetais e na versão integral do pão, do arroz e da farinha de trigo. Tome nota de outras formas que podem ajudar a manter o cancro à distância.

  1. Gordura corporal: mantenha-se no peso ideal.
     
  2. Atividade física: faça exercícios físicos por, pelo menos, 30 minutos todos os dias.
     
  3. Alimentos e bebidas açucaradas: evite refrigerantes e sumos artificiais, e limite o consumo de alimentos de alto valor calórico.
     
  4. Alimentos de origem vegetal: coma mais alimentos de origem vegetal, como hortaliças, frutas, cereais e grãos integrais.
     
  5. Alimentos de origem animal: limite o consumo de carnes vermelhas e evite carnes processadas (enlatados em geral).
     
  6. Bebidas alcoólicas: limite o consumo de bebidas alcoólicas. Se for consumir, limite-as a duas doses ao dia, se for homem, e a uma dose, se for mulher.
     
  7. Preparação industrializada: limite o consumo de alimentos salgados e de comidas industrializadas com sal.

Sabia que?
Um adulto deve consumir cerca de 25 gramas de fibras por dia, o que corresponde a pelo menos cinco porções de frutas e vegetais sem amido, como verduras, cenoura, tomate, beterraba, etc., e três porções de cereais integrais, como arroz integral ou farinha de aveia. Aposte neste cuidado, já que uma alimentação rica em fibras reduz o tempo que o alimento fica no intestino, diminuindo também o contato das substâncias cancerígenas com a mucosa intestinal.

Sabia que?
O tabaco é responsável por 30% de diversos tipos de cancro, como de pulmão, boca, laringe, faringe, esófago, pâncreas, rim, bexiga, colo de útero, estômago e fígado. Além disso, quem está ao lado do fumador também é prejudicado pelo fumo passivo. Para ter ideia, o fumo que sai da ponta do cigarro chega a ter 50 vezes mais substâncias cancerígenas do que o fumo que é inalado pelo fumador em si. Deixe de fumar já!
 

Para mais informações fale com o nosso farmacêutico através do mail [email protected]atura.pt

6 anti-inflamatórios naturais
Existem alimentos com propriedades anti-inflamatórias que podem ser ...
O poder do escalda-pés!
É uma técnica antiga de cura que não deveria ser esque...
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização