Considerado um dos minerais mais importantes para a saúde do nosso organismo, o zinco deve ser consumido todos os dias. 

Entre os seus inúmeros benefícios contam-se: fortalecimento do sistema imunológico, diminuição dos radicais livres (por isso se utiliza o óxido de zinco na produção de protetores solares), prevenção de doenças neurológicas como o Alzheimer dado promover a oxigenação do cérebro, prevenção de enfartes, da insuficiência cardíaca e da diabetes.

Dos alimentos ricos em zinco, destacam-se: frutos do mar, fígado, carne vermelha, cereais integrais, sementes de abóbora/linhaça/melancia, chocolate amargo, castanhas, quéfir, cogumelos, espinafres e carne de frango.

A carência de zinco pode acentuar a tendência para doenças, os sintomas de depressão e o aparecimento de doenças mais graves, sobretudo do foro neurológico.

O excesso de zinco pode causar diarreia, sonolência, cansaço excessivo, e também insónias e dificuldade em desempenhar tarefas simples.

SABIA QUE… 

  • O zinco, cujo termo vem do alemão zinc, que, por seu turno, talvez advenha da corruptela do termo persa sing (pedra), era já conhecido entre os gregos e os romanos da Antiguidade. Na Pérsia (atual Irão), usavam-no (solução de sulfato de zinco), para o tratamento oftalmológico. 

NÃO SE ESQUEÇA:

  • Nunca tome nenhum suplemento vitamínico sem consultar primeiro o seu médico.

Para mais informações fale com o nosso farmacêutico através do e-mail apoioacliente@blissnatura.pt

Vitamina C
A vitamina C favorece a formação dos dentes e ossos; ajuda a ...
Amieiro-Negro
O amieiro-negro, Rhamnus frangula, é uma planta medicinal espont&aci...
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização